Páscoa em Buenos Aires

Passar a Páscoa em Buenos Aires é uma ótima opção. O vôo da British Airways sai às 7:00 da manhã: o único inconveniente é ter que acordar cedo, mas as vantagens são muitas. A marginal é vazia, o aeroporto e o free shop também, e a British é uma das melhores companhias do mundo. Sai e chega no horário e se você for de executiva as cadeiras, além de terem a posição de “conversadeiras”, isto é fica um de frente para o outro, viram camas: dá até para dormir de lado! Chega-se em Buenos Aires às 10:00 da manhã e você tem o dia todo para passear. E na volta, o horário é ótimo, sai de Buenos Aires às 12h00 e chega em São Paulo às 14h50.

Vou começar falando dos hotéis, o que é difícil de escolher porque tem muitos hotéis ótimos!

Park Hyatt Hotel

É maravilhoso! Está situado na antiga casa (palácio) da família Duhau. Tem duas entradas: uma para a Av. Alvear, que é a principal, e é onde fica a parte de lazer: restaurantes, bares, salão de chá e biblioteca. Da varanda do salão de chá, a vista para o jardim é linda, principalmente à noite, todo iluminado. Os apartamentos ficam em um prédio no final do jardim. O restaurante Duhau é cinco estrelas e vale a pena ir, a comida é realmente muito boa.

a2bbf-foto1-hotelparkhyatt
Hotel Park Hyatt – Foto Yeda Saigh

Alvear Palace Hotel

Situado no bairro mais elegante de Buenos Aires, La Recoleta; combinando a elegância européia com os últimos avanços tecnológicos. A localização do Alvear é fantástica: dá para fazer tudo a pé, desde ir a restaurantes e boas compras. O restaurante La Bourgogne é muito recomendado e o L’Orangerie é muito chique para o café da manhã, chá da tarde e um happy hour (o preferido de Danusa Leão, segundo conta em seu livro “Fazendo as malas”).

f98f1-foto2-alvearpalacehotel
Hotel Alvear – Foto Yeda Saigh

Hotel Four Seasons

Ótima localização, considerado o melhor spa de Buenos Aires, restaurante Le Mistral muito bom, café da manhã incluido na diária, maravilhoso! Atrás do Hotel eles conservaram uma casa antiga, um verdadeiro palácio, “La Mansion”, que dá para a piscina e no domingo servem um brunch muito especial. Na “La Mansion” tem sete suítes que são utilizadas em casos especiais e também fazem festas e casamentos.

b2996-foto3-fourseasonshotel
Hotel Four Seasons – Foto Yeda Saigh

Hotel Caesar Park

Excelente localização, na Calle Posadas, bem em frente ao Páteo Bullrich, serviço ótimo, café da manhã delicioso. O Hotel é muito confortável, decoração elegante, a piscina está no meio de um bonito jardim, spa ótimo e restaurante muito bom. Foi escolhido como um dos 100 melhores hotéis da América Latina pela revista Travel & Camp; Leisure.

Hotel Faena

Com assinatura do conceituado designer francês Philippe Starck e erguido sobre o antigo prédio do Molinos (Moinhos) Rio de La Plata do início do século 20. Ficou muito bonito porque o arquiteto conservou a parte de fora da arquitetura do moinho, que tem o formato cilíndrico dos silos graneleiros e são revestidos em tijolos da época.

O hotel não tem lobby, entra-se diretamente num corredor super diferente e bem decorado: de cada lado desse corredor tem um restaurante – um inteiro branco, com uma decoração mais moderna e o outro com uma decoração mais clássica em vermelho, um Library lounge e ao fundo o cabaret Rojo Tango, onde se pode assistir um show de tango maravilhoso todas as noites. Recomendo muito não perder esse show, acho que é um dos melhores de Buenos Aires, se não for o melhor.

Situado no bairro de Puerto Madero, o Faena Hotel foi inaugurado no fim do ano passado com a missão de revolucionar o conceito de hospedagem. O Hotel transformou-se rapidamente no supra-sumo do luxo da hotelaria argentina e foi incluído na lista dos 25 melhores estabelecimentos de Yoga do mundo feita pela revista americana Travel & Leisure. A academia que oferece aos hóspedes tem equipamentos de última geração, tratamentos com cosméticos franceses, uma sala Zen para a prática de Yoga, programas espirituais e terapias alternativas como a Cura Prânica.

fe03a-foto4-entradahotelfaena
Entrada Hotel Faena – Foto Yeda Saigh

Hotel Hilton

Situado em Puerto Madero tem um estilo contemporâneo e um atrium de vidro com uma vista espetacular. O restaurante El Faro é muito famoso por sua ótima culinária argentina. Oferece também um health club com profissionais que dão aos hóspedes uma atenção individual.

Loi Suítes

É um novo conceito em hotelaria. Localiza-se a poucos minutos do histórico Cemitério de Recoleta. Cercado de elegante arquitetura de estilo francês, o hotel divide a zona Recoleta com os melhores restaurantes, bares, galerias de arte e belas praças. O Maravilhoso Jardim de Inverno de 400m² com piscina climatizada oferece um espaço único de luz e vegetação. É muito agradável almoçar nesse páteo. A proposta de cozinha internacional se completa no restaurante La Fuente, íntimo e aconchegante. O serviço é muito bom, os quartos tem uma decoração simples mas de muito bom gosto. Recomendo se hospedar nesse hotel principalmente para quem vai a trabalho. É muito prático e os preços são mais razoáveis.

d2795-foto5-loisuiteshotel
Loi Suites Hotel – Foto Yeda Saigh

Agora vamos aos restaurantes, que também tem uma escolha bem grande.

Oviedo

Fica no Bairro Norte, é um restaurante de argentinos, quase não se vê turistas. Existe há 30 anos!! Comida mediterrânea ótima, serviço muito bom, o maître é brasileiro e trabalha lá há 13 anos. Na minha opinião, um dos melhores restaurantes de Buenos Aires. Reserva Necessária.

Resto

É um restaurante fechado dentro do prédio da Associação de Arquitetos, só tem 10 mesas e é freqüentado só por argentinos. Vale muito a pena ir: a comida é ótima, você pode escolher uma opção entre três entradas, uma de prato principal e a sobremesa é divina! Um porém: não aceitam cartões de crédito nem cheques, só pagamento cash. Reserva Necessária.

Cabaña

A churrascaria La Cabaña é conhecida como uma das mais antigas e célebres da Argentina, agora na Calle Pousada com uma decoração muito chique. Serve a melhor carne argentina, e na minha opinião uma experiência imperdível para se ter em Buenos Aires. Reserva Necessária.

Cabrera

Essa churrascaria está situada em Palermo e é muito famosa por sua “parilla” de excelente qualidade. Reserva Necessária.

Munich

É um restaurante clássico do bairro Recoleta. É muito simpático parar para tomar um café e descansar das compras. Está sempre cheio, não importa o horário. O Munich é um ponto de encontro para as argentinas se encontrarem com as amigas e por o papo em dia. É muito gostoso sentar numa mesa perto da janela, ou fora se o tempo estive bom e ficar observando as pessoas passarem na rua.

Cabaña Las Lilas

Localizado em Puerto Madero, uma das melhores churrascarias de Buenos Aires,

desde 1995. Foi o primeiro empreendimento desse tipo realizado em sociedade com o proprietário dos restaurantes Rubaiyat de São Paulo, Belarmino Iglesias Filho. A decoração é muito bonita e o serviço é ótimo. Reserva Necessária.

Cafés e Confeitarias

Biela

Fica na Recoleta, e é muito famoso tanto para os argentinos como para os turistas. Comentário de um freqüentador argentino: “Típico lugar de Buenos Aires en donde desde sus mesas se ve pasar a media sociedad porteña”.

Café Tortoni

É a “alma” centenária da Av. De Mayo, símbolo tão representativo da cidade quando Carlos Gardel (tango). Fundado em 1858. Segundo César Tiempo (poeta argentino) “se a Av. De Mayo fosse um ser humano, sua alma seria o Tortoni”.

Não deixe de ir tomar um aperitivo, vale a pena ver a decoração de época e sentir o clima. Grandes personagens como Garcia Lorca, Pirandello, Borges, Piazzolla, Rubensteins e muitos outros freqüentavam o Café Tortoni.

aa634-foto6-cafc3a9tortoni
Café Tortoni – Foto Yeda Saigh

Os museus em Buenos Aires:

Malba

O Malba – Fundação Costantini (Museu de Arte Latino-americana de Buenos Aires) foi fundado em setembro de 2001 com o objetivo de colecionar, preservar, estudar e difundir a arte latino-americana, de princípios do século XX até suas manifestações atuais. Projetado em 1998 pela Fundação Eduardo F. Costantini, o Malba é uma instituição privada sem fins de lucro que conserva e exibe como patrimônio fundacional a Coleção Costantini, um conjunto de mais de duzentas obras dos principais artistas latino-americanos, da modernidade até a época contemporânea. É a mais completa amostra da cidade.

Obras de: Kahlo, Matta, Lam, Berny de la Vega, Xul Solar entre outras obras de artes podem ser apreciadas, sem esquecer do Abaporú de Tarsila do Amaral. Abaporu (do tupi-guarani aba e poru, “homem que come”) é um quadro em óleo sobre tela da pintora brasileira Tarsila do Amaral, pintado em 1928 como presente de aniversário do escritor Oswald de Andrade, seu marido na época. Hoje ela é a tela brasileira mais valorizada no mundo, tendo alcançado o valor de US$ 1,5 milhão, pago pelo colecionador argentino Eduardo Costantini em 1995. A composição – um homem, o Sol e um cacto – inspirou Oswald de Andrade a escrever o Manifesto Antropófago e criar o Movimento Antropofágico, com a intenção de “deglutir” a cultura européia e transformá-la em algo bem brasileiro.

e3e75-foto7-museumalba
Museu Alba – Foto Yeda Saigh

Museu Evita Perón

Esse museu é dedicado a vida e obra da mais influente mulher da história argentina. O prédio pertence a família Carabassa e em 1923 foi restaurado no estilo espanhol e italiano renascentista. Em 1948 a Fundação Eva Perón transformou-o em um orfanato e em uma casa para mães solteiras. Vale a pena visitar o museu. Conta toda a história dela com fotos, filmes com discursos com sua voz, é impressionante ver a popularidade que ela alcançou e morreu tão moça, com 33 anos somente!! O restaurante do museu é muito recomendado para almoço.

0221b-foto8-museuevitaperc3b3n
Museu Evita Perón – Foto Yeda Saigh

Museu Nacional de Belas Artes

Nesse museu pode conhecer a história da arte da Argentina e de outros paises. Obras de El Grego, Tiépolo, Manet, Gauguin e Renoir entre outras. É uma exposição permanente da Arte Argentina do século XIV até hoje, e também de obras pré colombianas.

Museu Xul Solar

O Museu está na Casa de Xul Solar, um artista apreciado por Borges, de um remarcável misticismo, esotérico e onde aconteciam encontros intelectuais. A exposição mostra obras de Xul Solar, selecionada pelo artista do “Pan Klub” incluindo objetos, esculturas e documentos de seu arquivo pessoal.

Museu Quinquela Martin

Esse museu é dedicado a arte tradicional do subúrbio de La Boca. Obras famosas de Quinquela martin, Victora lacámera, Sivori, Fader de la Cárcova e Yrutia.

Museu de Arte Hispanoameticano Isaac Fernández Blanco

Localizado num palácio estilo eno-colonial com jardins espanhóis, o museu mostra uma boa parte da cultura espanhola: prataria colonial, pintura, móveis, livros e documentos.

Fundación Federico Klemm

Fundado pelo excêntrico Federico Klemm morto em 2002 o seu prêmio anual em artes visuais é um dos mais prezados pela arte contemporânea mundial em Buenos Aires. Coleçnao permanente dos grandes artistas modernos argentinos e internacionais. A fundação contem obras de: Berni, Kuitca, Macció, Deira, Aizemberg, García Uriburu, Forner, Fontana, Dali, Warhol, Tanguy, Beuys, Koons, Clemente, Picasso, Wesselman entre outros.

Fundación Memória del Holocausto

Esse é um pequeno mas significante museu para a comunidade judia na Argentina. Dedicado a memória dos que sofreram o Holocausto na Segunda Guerra Mundial, imagens do Shoa são mostradas.

Centro Cultural Recoleta

Situado no coração da Recoleta, esse centro cultural é administrado pelo governo e oferece uma variedade simultânea de artes visuais.

Centro Cultural Borges

Localizado dentro das Galerias Pacífico (uma arquitetura extraordinária e belíssima) abriga uma variedade de arte, fotografia, teatro, vídeo e outras exposições). Situada no terceiro andar das Galerias Pacifico. Vale a pena ir visitar só para observar o prédio.

Biblioteca Nacional

A Biblioteca Nacional da República Argentina, a mais importante da Argentina, começou as suas atividades no ano de 1810, mas foi somente em 1992 que ela se instalou no atual endereço. O prédio, em estilo moderno brutalista-racionalista, foi inaugurado em 1992, feito pelos arquitetos Clorindo Testa, Alicia Cazzanica e Francisco Bullrich. Atualmente também no edifício funciona a Escola Nacional de Bibliotecários.

O acesso do público à Biblioteca é gratuito e oferece visitas guiadas. Foi construida para salvaguardar a diversidade florística em redor.

ef6a1-foto9-bibliotecanacional
Biblioteca Nacional – Foto Yeda Saigh

Para finalizar um artigo sobre Buenos Aires nada melhor do que um pequeno trecho da poesia “Instantes” de Jorge Luis Borges:

“Se eu pudesse novamente viver a minha vida,
na próxima trataria de cometer mais erros.
Não tentaria ser tão perfeito,
relaxaria mais, seria mais tolo do que tenho sido.”

Boa viagem!!!

Serviço:

Park Hyatt Hotel

Av. Alvear, 1661
Tel.:54 11 5171.1234
buenosairespark@hyatt.com

Alvear Palace Hotel

Av. Alvear 1891
Tel.: 54 11 4808.2100
http://www.alvearpalace.com

Hotel Four Seasons

Calle Posadas 1086/88
Tel.: 54 11 4321.1200
http://www.fourseasons.com

Hotel Caesar Park

Calle Posadas, 1232
Tel.: 55 11 3049.6697
http://www.caesar-park.com

Hotel Faena

Calle Martha Salotti, 445
Tel.: 54.11.4010.9000
http://www.faenahotellanduniverse.com

Hotel Hilton

Av Macacha Guemes 351
Tel.: 54 11 4891.0000
http://www.buenosaires.hilton.com

Loi Suítes

Calle Vicente Lopes, 1955
Tel.: 54.11.5777.8950
http://www.loisuites.com.ar

Biblioteca Nacional

Calle Agüero 2502. Recoleta
Tel.: 54 11 4807.0885

Museo de Arte Latinoamericano de Buenos Aires (MALBA)

Av. Pres. Figueroa Alcorta 3415, Palermo
Tel.: 54 11 4808.6500

Museo Evita Perón

Calle Lafinur 2988, Palermo
Tel.: 54 11 4800.1599

Museo Nacional de Bellas Artes

Av. Del. Libertador 1473, Recoleta
Tel.: 54 11 5288.9999

Museo Xul Solar

Calle Laprida 1212, Palermo
Tel.: 54 11 4824.3302

Museo Quinquela Martin

Av. Pedro de Mendoza 1835, La Boca
Tel.: 54 11 4301.1080

Museo de Arte Hispanoamericano Isaac Fernández Blanco

Calle Suipacha 1422, Recoleta
Tel.: 54 11 4327.0228

Fundación Federico Klemm

Calle Marcelo T. De Alvear 626, Microcentro
Tel.: 54 11 4312 3334

Fundación Memória del Holocausto

Calle Monteagudo 919, Barrio Parque
Tel.: 54 11 4811.3588

Centro Cultural Recoleta

Calle Junin 1930, Recoleta
Tel.: 54 11 4803.1040

Centro Cultural Borges

Calle Viamonte esquina Praça San Martin, Microcentro
Tel.: 54 11 5555.5359

Restaurante Oviedo

Calle Beruti, 2602 – Bairro Norte
Tel.: 54 11 4821.3741
http://www.oviedoresto.com.ar

Restaurante Restó

Calle Montevideo 938
Tel.: 54 11 4816.6711

Restaurante Cabaña

Calle Rogriguez Pena, 1967
Tel.: 54 11 4814.0001

Restaurante La Cabrera

Calle Cabrera 5099
Tel.: 54 11 4831.7002
http://www.parrillalacabrera.com.ar

Restaurante Munich

Pres. Roberto M. Ortiz, 1871
Tel.: 54 11 4804.4469

Restaurante Cabaña Las Lilas

Av. Alicia M. Justo, 516
Tel.: 54 11 4315.1010

Café Biela

Av. Quintana, 600
Tel.: 54 11 4804.0449
http://www.labiela.com

Café Tortoni

Av. De Mayo, 825
Tel.: 54 11 4342.4328
http://www.cafetortoni.com.ar

Colaboradora: Virginia Figliolini Schreuders

10 comentários em “Páscoa em Buenos Aires

  1. Oi Yeda
    Gostei muito desse seu Buenos Aires. Suscinto e bom, dos que eu gosto de guardar. Gostei de saber do “Tango Rojo”, substitue para mim o meu favorito que era o tango do Hyatt. Detesto as tanguerias. Acredita que eu nunca fui no Café Tortoni? Some day…
    Beijos
    Lina

    Curtir

  2. Oi Yeda
    Senti saudades das nossas viagens e principalmente de Buenos Aires neste Post. No de Portugal tambem pois onde estivemos juntas parece que dá uma saudade maior dos momentos especiais que passamos juntas, das descobertas, dos hoteis charmosos e restaurantes. Estive no Alvear em março e adorei, passei pelo nosso Loi para matar saudades e fui no Tortoni tomar um drink.
    Admiro como voce tem facilidade de relatar sua experiência com detalhe para que com sua generosidade outros possam tambemfazer uma bela viagem
    Um beijo
    Saudades
    Miriam

    Curtir

  3. Yeda
    Muchisimas gracias!! Adoro seus diários de bordo! Tenho estado no Loi suites Recoleta em minhas ultimas viagens a BA e é muito prático e agradavel Lugar ótimo, excelente atendimento, aptos amplos, sem ser um hotel tipo Hilton, Hyatt , etc
    O local de desayuno, que vc fotografou, é bárbaro e o proprio é excelente
    Beijo
    Nilde

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s